Eu levei surra de pica.

(Quer usar este espaço para divulgar algo? clique na imagem.)

Anuncia Aqui

Já havia algumas semanas que não rolava sexo estava louca para abrir as pernas para ED marcamos de passar um FDS na casa de praia de minha família na Linha verde.
Na sexta-feira saimos juntos da faculdade e fomos diretamente para lá, estava louca de vontade de fuder de sentir aquela pica grossa e quente penetrando minha buceta, pegamos um ônibus, no meio do percusso nos demos conta que éramos só nós no meio àquele silêncio ensurdecedor e nos beijamos intensamente. Definitivamente ambos estavam se contendo até aquele momento.

(Clique na imagem em baixo visite nosso parceiro)

LibidGel Aumente seu penis

Sentia aquelas mãos firmes agarrarem meu corpo e puxar-me para si. Enquanto beijava e mordia aqueles lábios ele se apossava de meus seios, minhas pernas, minha bunda…

Precisei usar o último fio de juízo que me restava para afastá-lo antes que fizéssemos ali mesmo no banco do ônibus, já estava com minha buceta toda molhada.

Felizmente chegamos ao destino sem cometer essa loucura, descemos do ônibus e fomos diretamente para casa, ele pediu para comer alguma coisa mas eu não quis falei que fazia algo para gente comer quando chegasse em casa, Paramos em frente a casa e até eu abrir a porta pareceu uma eternidade. Ao fecha-la o tempo passou a voar.

Já fomos nos agarrando e despindo um ao outro pelo corredor. Quando chegamos no quarto eu estava somente de calcinha e sutiã e ele com a calça entreaberta com pau duro e molhado.

Ele me jogou na cama, me olhou e sem dizer nada tirou a roupa devagar. Aquele desespero tinha ficado no lado de fora do quarto, agora tínhamos todo tempo do mundo.

Ele puxou meu pé e recostou em seu peito. Passava aquelas mãos em minha perna de uma forma que me fazia estremecer. Senti esfregar seu rosto em minha coxas, ele sabia que eu tinha tesão nisso, e ao mesmo tempo que sentia o cheiro de minha pele, me arranhava com sua barba, mordia e beijava.

Quando ele subiu por minhas coxas, eu já ansiava por sentir sua língua em minha buceta. Mas não, ele subiu por todo meu corpo, até o meu pescoço.

Ao me beijar, tirou meu sutiã e agarrou meus seios. Após aperta-los e chupa-los o vi montar em meu tronco.

Via aquela pica grossa entre meus seios e só pensava em chupa-la. A medida que ele comprimia meus peitos, me esticava para senti-la em minha boca, ainda que fosse só um pouco.

– Ta querendo chupar é?

– Muito!

– Certeza que ela cabe nessa boquinha?

– Deixa te mostrar…

– Sua vez de montar então!

Ele saiu de cima de cima de mim e deitou-se ao meu lado. Ao me levantar, suas mãos em minha bunda me conduziam para um 69 maravilhoso.

Ele nem havia tocado ainda aqueles lábios e aquela língua quente em minha buceta e eu já estava enlouquecida.

Agarrei aquela pica grande, grossa e roxa com a mão e comecei a chupar devagarinho, como se me deliciasse com cada pedacinho dela.

Acompanhando meu ritmo, ele passava a língua por fora da minha buceta e lambia devagar.

Comecei a enfiar cada vez mais fundo e rápido aquela pica em minha boca, apertando meus lábios e lambendo ela toda.

Ele agarrou minha bunda e enfiou minha buceta em sua cara e me chupava com gosto.

Comecei a punheta-lo em minha boca e sentia seu pau crescendo ainda mais. Senti um tapa forte em minha bunda e com isso acabei gozando em sua boca

Levantei da cama que já estava molhada com meu gozo.

– me fode vai!

– Ta querendo pica eh?

– Tô!

– Muito vem logo me comer sua porra!

– Quer fuder agora mesmo?

Minha resposta foi ficar de quatro toda empinada pra ele. Eu estava tão excitada que por mais que aquela pica fosse grossa ela ia entrar fácil.

Senti ele me provocando roçando a cabeça na entradinha dela e eu arqueava meu corpo para trás na tentativa de fazê-la entrar. Ele via o quanto eu queria e se divertia com isso.

Quando menos esperei ele me puxou pelo quadril de vez e meteu ela toda.

Dei um grito de tanto prazer. A partir dai ele passou a meter com força e cada vez mais rápido. Quanto mais eu gemia, mais ele metia e batia em minha bunda.

(Clique na imagem em baixo visite nosso parceiro)

Gozei rebolando pra ele e não tive um segundo para respirar. Ele continuou com aquelas estocadas gostosas até me fazer gozar de novo.

Já estava destruída de tanto gozar quando ele disse que queria gozar olhando nos meus olhos.

Me deitou na cama, levantou minhas pernas fechadas e as repousou em seu peito. Agora minha buceta além de mais apertada por conta da posição, se comprimia ao receber aquela pica gostosa.

Quanto mais tesão ele sentia, mais ele agarrava minhas pernas com força. Não demorou muito e senti aquele leite quente dentro de mim.

Fomos para o banho na certeza que passariamos a noite inteira transando. Como havia mentido tivemos que sair e aventurar algo para comer, já havia passado das 23:00h felizmente achamos uma pizzaria que estava quase fechando, o rapaz nos atendeu com cara de poucos amigos mas mesmo assim aceitou fazer o pedido, levamos a pizza para casa e comemos, assistimos um pouco e fomos para o quarto.

Coloquei uma calcinha fio dental rosa que ele havia comprado para mim, deitei na cama de bruços e deixei minha bunda amostra aquilo era um convite para uma madrugada intensa de sexo, ele entedeu o recado e já foi logo beijando meu corpo, passou a lingua no meio de minhas pernas sem dificuldade nenhuma me virei e abrir as pernas e ele com a boca tirou minha calcinha e começou chupar minha buceta, quase gozei na boca dele de novo mas dessa vez me segurei, ele deitou do meu lado com o pau latejando duro, entendi o recado e sentei em cima dele, comecei cavalgar como uma cachorra no cio, cada vez que minha bunda batia em seu quadril ele socava com força sua pica em minha buceta, comecei esfregar e cavalgar mais rápido até que gozei no pau dele, já estava perdendo as forças quando ele falou.

– Vai minha putinha não para.

– Vai que eu quero gozar com vc em cavalgando!!!

Busquei forças e continuei cavalgando ele segurou minha bunda e acompanhava o rebolado de meu quadril, sentir ele se contorcendo percebi um jato quente dentro de mim e o gemido dele de prazer

– Haaaa gozei!!

– Gozei gostosa!!!

Fomos para o banheiro nos lavar ele pergunta.

– Será que aguentamos dar outra?

– Eu quero fuder você ainda.

– Respondi: Vamos deitar um pouco para nos recuperar.

Nem sei que hora era aquela mas pouco depois de tirar um breve cochilo acordei com a pica dele roçando minhas coxas pensei que estava se virando de posição na cama mas percebi que estava com ereção novamente.

– Quero você Jamile

– Você ainda aguenta dar mais uma?

Minhas resposta foi abocanhar aquela pica comecei chupar ele, virei minha bunda na cama na cara dele na posição 69, ele começou me chupar nem parecia que havíamos transado horas antes, fiquei de 4 na cabeçeira da cama ele puxou meu quadril e enfiou aquela pica novamente.

– Que buceta quente e gostosa Mille!

– É toda sua ED mata sua vontade meu nego!

Já estava sem forças mas não relutei fiquei de 4 recebendo aquela pica ,ele socava com força como se estivesse sentindo muito prazer naquilo, comecei rebolar mesmo sem forças ele puxou meu cabelo e bateu em minha bunda, pedi para fazer ppmm pois queria ser beijada, no ppmm ele metia e me beijava no vai e vem do meu quadril ele me socava com força acabei gozando novamente ele demorou bem mais que o normal, já estava exausta pedi para ele sentar na ponta da cama, já estava clareando o dia.

Sentei de costas para ele e comecei rebolar no pau dele com bastante força até que ele gozou dentro de mim novamente.

Fomos dormir e acordamos quase meio dia.

Continuarei em outra postagem. FIM.

Obrigado a Jamile que nos tem enviado contos magníficos. Quer fazer como ela e enviar seu conto clique aqui: http://rabiscosecontoseroticos.xyz/envie-a-sua-historia-ou-conto-erotico/ e envia a sua historia.

(Clique na imagem em baixo visite nosso parceiro)

E estes contos já lestes?

Um comentário

  1. Excitante!
    De início ao fim com a pica dura.
    Tive que descarregar o leitinho nas coxas da empregada que é uma delícia.
    Ñ deixa por pra dentro.
    É casada e ñ quer trair o corno

Deixe um Comentário. (Proibido divulgar Whatsapp ou emails)

Seu endereço de e-mail nao será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

error: Conteúdo Protegido !!