Minha doce cunhadinha!

(Quer usar este espaço para divulgar algo? clique na imagem.)

Anuncia Aqui

Namorava com uma amiga que conheci ainda criança chamada Cintia e que tinha 2 irmãs mais velhas Samara e Bianca, ambas casadas. Meu caso foi com a Bianca, uma coroa maravilhosa, morena parda, olhos castanhos claros, coxas grossas, bumbum grande e seios pequenos durinhos. Aquela tipica cintura fina e quadril largo. O marido dela fazia academia comigo na época, o que a princípio me fez sentir um pouco mal por estar pegando a mulher dele, mas depois acabei me acostumando, o tesão entre nós era demais.

(Clique na imagem em baixo visite nosso parceiro)

LibidGel Aumente seu penis

Tudo começou em uma festa de aniversário da minha ex-sogra feita em sua casa, regada a cerveja, samba e churrasco, combinação perfeita!!! Estava do lado de fora da casa, com uma cerveja e fumando um cigarro, sozinho. Ela apareceu e começamos a conversar, naquela altura, já tinha reparado no corpo dela e já desejava dar uma pegada com forca naquele rabão delicioso e empinado, mas me controlava. O problema é que a cerveja já tinha batido na cabeça e resolvi atacar.

Comecei elogiando ela, dizendo que era bonita e sempre que podia a abraçava e agarrava. Fui pegando mais confiança e então passei e beijar seu pescoço, morde-lo, puxar seu corpo com força em direção ao meu e dançávamos nos esfregando e deixando as nossas mãos percorrerem por onde quisessem.

Combinei de me encontrar com ela em sua casa no período da manhã, para ficarmos mais “à vontade”, ela aceitou e as escondidas, me beijou na boca e entrou na casa. Naquele momento, meu corpo estava queimando, nunca tinha sentido tanto tesão antes só com um beijo e mais tarde transei com minha ex-namorada de forma intensa, forte, mas pensando na minha doce Bianca.

O marido da Bianca trabalhava de manhã, em um posto de gasolina bem perto dali, e almoçava em casa, então precisava ser rápido. Bati na casa dela por volta das 9 horas, ela só colocou a cabeça pra fora da janela e pediu para que entrasse. Estava vestindo uma camisola preta, estava descalça e com os cabelos amarrados num rabo de cavalo, ela parecia meio sem jeito quando entrei na sua casa, mas ao cumprimenta-la com um beijo no rosto, ela se virou e me deu um longo, demorado e maravilhoso beijo na minha boca.

Aquele fogo novamente se acendeu no meu corpo e comecei a agarrar e beijar com tanta força, que meus lábios até doíam! Levantei sua camisola e apertei aquela bunda durinha e gostosa que sempre sonhei e me enchi de tesão ao ver o fio dental que usava. Fomos nos beijando para o quarto, onde a deitei e me coloquei entre suas pernas, afastei a calcinha para o lado e comecei a chupa-la como um cachorrinho, mordia e chupava aquele grelo gostoso com vontade e olhava para o rosto dela e me enchia de tesão ao vê-la gemendo de olhos fechados e puxando meus cabelos, praticamente me enfiando em sua buceta molhada e quente. Ela me dava tapas na cara e me chamava de puto, e pedia para que a chupasse mais, que a fodesse com os dedos…obedeci na mesma hora, nunca imaginei que ela falasse coisas assim, alias, nunca tinham falado isso pra mim antes!!!

(Clique na imagem em baixo visite nosso parceiro)

Me levantei e tirei a minha camisa e ela com um desespero tremendo, abriu o ziper da minha calça, enfiou a mão dentro e tirou meu pau já duro como uma rocha, latejando de dentro dela e o abocanhou, enfiando até a garganta. Quase gozei instantaneamente!!! Aquela boca quente engolindo meu pau inteiro e me punhetando ao mesmo tempo, puxava seu rabo de cavalo e batia com meu pau duro e seu rosto e esfregava por todo seu rosto, ela pedia mais “Bate safado, bate com esse pau gostoso na cara da sua putinha”. Tiramos o resto das roupas e ela ficou de 4 pra mim, arrebitando bem aquela bundona e olhando para trás, me chamando. Com uma mão ela abria e mostrava um cuzinho maravilhoso, que aparentemente já tinha levado rola, o que me deixou ainda mais excitado. Cai de boca naquela bunda e enfiei minha língua em seu cuzinho, ela gemia e rebolava, batia com ela no meu rosto, jogando seu corpo para trás e eu me acabava, enfiando a cara dentro daquela bunda que sempre desejei.

Deixei ele bem molhado e lubrificado, queria fode-lo bem gostoso, mas não antes de experimentar aquela buceta quente e deliciosa. Enfiei a cabeça devagar, ela já se retorcia e gemia como uma putinha no cio, enfiei o resto até o fundo de uma vez, fazendo ela soltar um grito e olhar para mim, com cara de tesão. Segurei ela pela cintura e comecei a foder forte, minhas bolas batiam com tudo em sua xana molhada e algumas vezes tinha que segura-la com força enquanto ela gozava, suas pernas tremiam e ela desabava sobre a cama. Mudamos de posição e comecei a fode-la num delicioso ppmm, colocando suas pernas sobre meus ombros e enfiando tudo dentro dela.

Então tirei meu pau de sua buceta molhada , quente e vermelha e coloquei na entrada do seu cuzinho, molhei a cabeça com saliva e fui empurrando para dentro e ela ajudava levantando os quadris e rebolando. Fui bombando devagar e enfiando aos poucos, os gemidos que ela dava com os olhos fechados, mexendo no grelinho me deixavam ainda mais excitado. Fui aumentando a velocidade e quando percebi, já estava todo dentro dela. Pouco depois senti que não aguentava mais segurar, estava quase gozando!!! Fiquei de pé na cama e ela se ajoelhou na minha frente, enrolei o rabo de cavalo na mão e comecei a bater uma punhetinha na sua frente, ela lambia a cabeça do meu pau e olhava para minha cara, logo, comecei a gozar em seu rosto e ela abocanhou meu pau, fazendo com que minha porra escorresse pelo seu queixo, enquanto ela me chupava e engolia até a ultima gota.

Depois dessa foda fenomenal, estávamos exaustos, deitamos na cama e ficamos nos curtindo, até que estávamos outra vez em ponto de bala e iniciamos mais uma inesquecível trepada. E foi assim por quase uma ano, nossas aventuras geraram outras historias muito boas que contarei outro dia. Esse foi meu conto, espero que tenham gostado.
Caso queiram entrar em contato, responderei a todos com prazer!!!
Skype: victorlionheart
e-mail: [email protected]

Conto enviado por:  Victor Lionheart (Obrigado)

Gostou do conto? deixe-nos saber com um comentário.
Quer entrar no nosso grupo Whatsapp? Veja aqui como o fazer: Clique aqui.
E se quiser nos enviar o seu conto faça por aqui: Enviar Conto.

(Clique na imagem em baixo visite nosso parceiro)

E estes contos já lestes?

Deixe um Comentário. (Proibido divulgar Whatsapp ou emails)

Seu endereço de e-mail nao será publicado.Campos obrigatórios são marcados *

*

error: Conteúdo Protegido !!